PROTEÇÃO AUTOMOTIVA

1 A Proteção Veicular é o mesmo que seguro?
Não, as associações em sua maioria são entidades sem fins lucrativos, onde na sua essência, buscam gerar algum tipo de benefício aos seus associados. No caso da Proteção Veicular, os benefícios são alcançados pelos custos reduzidos dos valores da proteção.
2A atividade é ilegal?
Não, a atividade associativista está amparada pela lei federal em seu artigo 5° e, no artigo 53 do novo código civil brasileiro, onde diz que: “Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza”.
3 A Susep tem alguma autoridade jurídica ou executiva sobre uma associação?
A Susep é o órgão que regulamenta os SEGUROS PRIVADOS no Brasil. Como a atividade praticada pela associação não pode ser confundida com seguro, a Susep não tem nenhum poder regulatório sobre as associações.
4 A partir de quando começa valer minha Cobertura?
A partir do momento que for assinado os papéis referentes à cobertura do veiculo após a vistoria efetuada.
5 Se eu estiver transitando com a documentação do meu veículo vencida, eu estarei coberto em caso de acidente?
Não pois de acordo com o Regulamento e o Código de Transito Brasileiro CTB, Se a documentação do veículo estiver vencida este não poderá trafegar em via pública, por isso, não estará coberto pelo PPA.
6 Se eu atrasar o pagamento do boleto após a data de vencimento eu estou protegido?
Não, caso o pagamento do boleto não seja efetuado no dia do vencimento o associado estará descoberto e, será necessário a realização de uma nova vistoria no veículo.
7Se o meu veículo aumentar ou diminuir o valor na Tabela FIPE, isso reflete na minha parcela?
Sim, como o valor da cota parte e baseado no valor do veículo, havendo alteração do valor da FIPE do veículo é refletido diretamente no valor da parcela paga.
8Existe análise de perfil na associação?
Não, a associação não analisa perfil. Lembrando que a proteção é apenas do bem material, e não humano.

ACIONAMENTO EM ACIDENTES

1E acidentes, como devo proceder?
Em caso de acidente, o associado deve entrar em contato com a central de assistência 24 hs, através de um telefone 0800 que será disponibilizado assim que for feita a vistoria. A central providenciará a remoção do veículo para uma oficina ou para base do prestador, para que no dia seguinte seja removido para a oficina. Imediatamente após ter realizado esse procedimento, o associado deve entrar em contato com a associação no horário comercial.
2 Qual o limite de quilometragem do reboque nos Planos da LNR?
O limite de quilometragem do reboque é de 200 km de raio, ou seja, começa a contar a partir do local do evento para qualquer direção que o associado queira seguir.
3Essa quilometragem é suficiente?
Sim. O conceito da assistência 24 hs é emergencial, ou seja, para tirar o associado da situação de crise em que se encontra e, obviamente, resguardar a integridade física dos ocupantes do veículo e do próprio veículo.
4Se meu veículo for furtado ou roubado, em quanto tempo eu recebo minha indenização?
Em caso de furto e roubo, é necessário que se espere um período de 30 dias para que se tente a recuperação do mesmo ou que o veículo seja localizado. A partir desse prazo, o evento ou sinistro como queira, entra no próximo rateio.
5Existe franquia em caso de acidente?
Sim, em caso de acidente há uma participação obrigatória do associado no valor de 4% do valor do bem, não podendo ser inferior à R$ 800,00. (Seguir valores de referência na tabela da associação.)
6Quais documentos devo ter em mãos para dar entrada a uma indenização?
CNH do condutor, Boletim de ocorrência, , Documento original do veículo.
Ajuda? Chat via WhatsApp